Venda mais e melhor: aprenda a estruturar seu processo de vendas

Tudo começa com uma compreensão mais estruturada do seu cliente. Aprenda a diferenciar persona do seu perfil de cliente ideal e a estruturar seu processo de vendas


Quando pensamos nas vendas dentro de um negócio, esse é um dos setores de maior importância e que requer muita atenção. É através do setor de vendas que se passa ou não uma boa imagem da empresa e os motivos para adquirir os produtos ou serviços que ela proporciona. Pensando nisso, levanta-se a importância de ficar por dentro dessa etapa em conjunto com uma equipe direcionada para as vendas.

Mas você sabe a melhor forma de estruturar a equipe de vendas?

1° você precisa entender para quem você quer vender, ou seja, o público que quer atingir

Qual é seu público? Como você imagina o seu cliente ideal? O que você acha que agradaria o seu cliente ideal? Essa é a linha de pensamento na qual você precisa desenvolver desde o começo para entender o seu público desejado, para que o time de vendas consiga entender quais leads, ou seja, clientes em potencial que valem ou não apena direcionar campanhas mais específicas. Para isso, é importante que você entenda mais sobre a jornada de compra do seu usuário. Clique aqui.

Mas antes disso é importante que você entenda a diferença entre a persona e o ICP:

Enquanto o ICP uma ferramenta das vendas que seria considerado o seu cliente ideal seja o seu negócio B2B ou B2C, o ICP seria o perfil da pessoa engajada com a marca, que tem todos seus problemas solucionados e se sente bem com o produto. O ICP faz o seu olhar caminhar para as características macro, como a segmentação de atuação, o porte do negócio, em qual estado de maturidade se encontra, frequência de compra, entre outros níveis de engajamento com a marca.


Já por outra perspectiva, a persona é uma ferramenta com maior aplicação no marketing em que reúne diversas características como objetivos, hábitos, costumes, personalidade, aspectos culturais de uma pessoa. Dessa forma o ICP traz a possibilidade de criar diferentes personas com traços em comum, portanto é interessante trabalhar com o ICP em um negócio para facilitar a identificação de um lead no perfil ou não, ou seja, se aquele usuário pode ser um potencial cliente para o negócio ou provavelmente não.

2° O processo de vendas precisa estar bem definido

O processo de vendas do seu negócio precisa estar bem definido e não adiantar não dar atenção a essa parte do processo, ela é essencial. Ao pensar nisso é necessário que faça algumas perguntas como: Quem cuida das vendas na empresa? Qual é a abordagem dos vendedores? Cada um age de uma determinada forma? Como melhorar a experiência das vendas entre os vendedores e gerente?

Para essas questões você pode determinar uma rotina simples, mas eficiente:

Contato com o cliente

É importante que pense em como será o contato inicial com o cliente, se será por meio de um número de telefone ou do WhatsApp, e-mail ou por uma visita pessoal? Entenda sobre todas as metodologias para escolher a mais viável e assim seguir para os próximos passos.

Qualificação dos leads

Quando lembrar do processo de vendas é importante que pense nos critérios para definir um lead, ou seja potencial cliente. Em como vai ser realizada essa classificação, seja por meio de qual ferramenta e de tem como agendar uma reunião com o potencial cliente.


Capriche na apresentação e mostre o valor da sua marca

Após ter marcado a reunião é o momento de realizar a apresentação do seu serviço. Pense em qual modelo de apresentação vai utilizar na proposta comercial e se essa apresentação vai ser pessoalmente ou online. Quer saber mais sobre? Clique aqui.

Atenção: Lembre-se de agregar o valor da sua marca nesse momento e vender o propósito do que vocês acreditam.

Fechamento: atenção nessa hora!

O fechamento será aquele momento de se ter já em mente quais estratégias utilizar para que ele aconteça e se existe uma margem para você proporcionar descontos?


O importante é que você tenha todas essas estratégias em mente e de preferência detalhadas em um esboço.

“Ainda não tenho um time de vendas, o que fazer?”

Se você não tem ainda uma equipe voltada para as vendas, contrate duas pessoas, lembre-se de ter uma atenção direcionada tanto para habilidades técnicas e a trajetória que já passaram como também para soft skills, ou seja, se possuem auto controle, escuta ativa para o que for dito pelo cliente na hora da venda, empatia, proatividade e boa comunicação, pense sempre que quem for entrar para equipe terá como principal função de trazer novos clientes.

Com base nisso, é interessante que tenha duas pessoas na equipe, para que você tenha como comparar ambos perfis e rendimento nas vendas, propostas fechadas, e afins e caso seja necessário que uma das pessoas saiam, você não tenha seu negócio afetado.

Estabeleça metas a serem cumpridas

As metas são necessárias para entender se o time de vendas está alcançando o que foi planejado, para defini-las é interessante que você pense nas métricas do seu negócio para entender o desempenho do profissional e das vendas. Se pergunte com quantas vendas fechou no último mês e quantas pretende fechar nesse, quantos leads precisaram chegar até você para ter essas oportunidades relacionada ao último mês e por fim, quais serão as estratégias desse e do próximo mês.

Invista em treinamentos

O último tópico é destinado principalmente ao que sua equipe de vendas vai se tornar ao longo do tempo. É importante que você invista em treinamentos e alinhamentos entre a equipe para que consigam bater as metas com qualidade e aumentar o número de clientes adquiridos ao longo do tempo.

Posts recentes

Ver tudo

Feito por mulheres
para o crescimento

de mulheres

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Instagram
  • YouTube

#ElaVence feito de 🖤 por Camila Farani.